Embarcação que fazia travessia Mar Grande – Salvador vira na Baia-de-todos-os-Santos; 22 mortos até o momento

Uma lancha que faz a travessia entre Mar Grande e Salvador virou nesta manha de quinta- feira (24) na Baía de Todos-os-Santos. Até o momento, informações atualizadas dão conta de 22 pessoas mortas e 21 foram resgatadas com vida. A informação foi confirmada pela Marinha.

A Marinha informa que resgatou cinco corpos e que as outras 17 vítimas foram resgatadas por embarcações particulares.  Informações passadas pela Associação dos Transportadores Marítimos da Bahia (Astramab), apontam que a embarcação tinha capacidade para 160 passageiros e transportava 129 no momento do acidente.  O naufrágio ocorreu as 06:30 hors,  a 200 metros do terminal marítimo de  Vera Cruz, quando a mesma seguia para Salvador, segundo a assessoria da prefeitura do município.

Embarcação Cavalo Marinho I naufragou em Mar Grande (Foto: Marina Silva/CORREIO)

De acordo com a Capitania dos Portos, três equipes em três navios foram encaminhadas para o local do acidente. A PM auxilia nas buscas e socorro às vitimas com  uma equipe do Grupamento Aéreo (Graer), e a 55ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM)que também estão encaminhando as vitimas de de Pronto Atendimento (UPA) de Mar Grande, como também para o Hospital Geral de Itaparica. O Corpo de Bombeiros da Bahia também enviou equipes para a localidade.

Em nota, o governador Rui Costa decretou três dias de luto oficial, contados a partir de hoje, por conta da tragédia. Rui lamentou a tragédia e informou que todos os esforços estão sendo empreendidos no apoio do socorro às vítimas. “Manifesto minha solidariedade aos familiares das vítimas. Todas as forças do Governo do Estado estão mobilizadas para dar assistência e prestar socorro às vítimas. Estou acompanhando pessoalmente esta difícil operação desde cedo e todas as providências foram tomadas imediatamente”. O governador mencionou o reforço dos efetivos do Governo nas áreas da segurança e da saúde pública para atender o caso. Ele também ressaltou que acompanhará de perto a apuração do caso, que será investigado pela Capitania dos Portos com apoio da Polícia Civil.

Nas redes sociais, as opiniões formas as mais diversas. Alguns questionam os dispositivos e equipamentos de segurança usados nas travessias; outros falando de uma tragédia anunciada, dado as condições das embarcações que prestam o serviço; veja abaixo os depoimentos:

(Imagens / Facebook)

Veja no video abaixo postado no Youtube, o depoimento de uma das vitimas, relatando o que aconteceu:

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *