Funcionário Público leva tiro no peito durante assalto e é salvo pela carteira

O caso aconteceu em Suzano, região metropolitana de São Paulo no ultimo sábado (02). O funcionário público que não foi identificado, de 64 anos, foi baleado durante um assalto na região central daquela  e, segundo informações da polícia, o que salvou ele da morte certa  foi carteira que estava no bolso da camisa, do lado direito.

A vítima parou o veículo no semáforo no cruzamento das ruas Leila Margarida Takeuchi e Avenida Antônio Marques Figueira por volta das 9h40, quando o mesmo foi surpreendido por dois homens que chegaram a pé. Um deles bateu com arma no vidro e, apesar de não ter reagido, o criminoso atirou em sua direção. O tiro perfurou o vidro esquerdo e acertou a carteira dele, que estava no bolso da camisa, também do lado esquerdo. De acordo com a polícia, a carteira impediu que o projétil perfurasse o peito da vítima, que foi atingida apenas pelos estilhaços de vidro.

Os criminosos fugiram sem levar nada. O funcionário público conseguiu dirigir o próprio carro até a sua casa. O caso foi registrado na Delegacia Central como roubo e tentativa de homicídio. A vítima foi encaminhada para exame de corpo de delito. A carteira e o projétil foram apreendidos.

O carro da vítima passou nesta segunda-feira (4) por uma vistoria no Instituto de Criminalística em Mogi das Cruzes, em São Paulo. A esposa, que também pediu para não ser identificada, informou em entrevista ao Portal G1, que o marido após o ocorrido, está em estado de choque.

*Com informações do G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *