Mãe coloca faixa “espanta xereta” na porta de casa e viraliza nas redes sociais

Se você cuida da própria vida, não se mete nos problemas de ninguém, e tenta passar desapercebidas em qualquer ambiente, parabéns. Mas é muito irritante para uma mãe quanto palpites de terceiros na criação dos filhos, ai é morte. De “saco cheio”, cansada da intromissão de vizinhos, a carioca de São Gonçalo Patrícia Monken , 38 anos, mãe de uma menina teve uma ideia improvável e bem-humorada de dar um basta nisso e dar fim na “xeretagem”.

Reprodução: Youtube

 

“Prezados vizinhos, às vezes parece que estou matando o meu filho, quando, na verdade, eu só estou colocando soro no nariz, cortando a unha ou limpando o ouvido do meu bebê. Favor não ligar para o conselho tutelar. Quando DEUS disse: ‘Orai e vigiai’, ele se referia à sua própria vida e não as dos outros. Se quer se meter na minha vida, faça as coisas direito. Comece lavando as minhas calcinhas, pagando as minhas contas e resolvendo os meus problemas por mim. Oferta especial: a cada 5 pacotes de fraldas G ou XG ganhe o direito de dar um palpite na criação do meu filho. OBS: Se o pacote for jumbo, são dois palpites, diz o texto, compartilhado por dezenas de páginas sobre maternidade no Facebook.

Em entrevista ao site Extra, ela afirmou que é comum ouvir comentários sobre a educação dos filhos, que têm uma menina de 18 e um garoto com 2 anos de idade. Especialmente em relação ao cabelo do caçula, que é comprido.

— As pessoas se metem demais. Eu cansei de desenhar que meu filho é menino de cabelo grande porque quem manda na minha casa sou eu. As pessoas falam que é feio, que tem que cortar. Teve gente até falando que meu filho ia virar gay por isso, acredita? Tem horas que não dá. Respondo logo que isso não é da conta da pessoa. Meu filho não vai ser gay por isso e se for, que seja. O que ele precisa é ter boa índole. As pessoas ficam incomodadas com o cabelo grande do meu filho. Mas só que o cabelo do meu filho, desde que ele nasceu, já tem destino certo. Lá para o final do ano, já vai estar em ponto de doação. Vou cortar para doar para crianças que têm câncer – disse

A mulher instalou uma placa com um recado maroto aos demais moradores do prédio onde vive a família, em São Gonçalo para quem quiser ver. Patrícia também filmou e publicou no YouTube a “inauguração” da placa. Veja abaixo:

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.