Nostalgia: São João de Ilhéus e Quadrilhas Juninas

Por Marcos Paulo Pinheiro:

É perceptível que atualmente o São João de Ilhéus não é de longe igual ou melhor do que o dos tempos áureos dessa festa tradicional nordestina. Em tempos de arrocha, sertanejo e funk, o tradicional forró vem submergindo cada vez mais e consequentemente as tradições se perdendo.

Essa época era marcada por “arraías” montados pelas comunidades com muita comidas típicas, bebidas, fogueiras e as infernais bombinhas, além de uma ornamentação que encantava turistas e nativos.

As quadrilhas Juninas eram as estrelas. Os grupos ensaiavam praticamente o ano todo para poder fazer bonito na noite do São João. Existia uma grande rivalidade entre as mesmas, o que deixava o clima ainda mais emocionante, pois todo mundo queria mostrar o seu melhor e quem agradecia era o público, as apresentações eram dignas de muitos aplausos.

O bairro do Malhado era o que mais concentrava em números as quadrilhas Juninas:

Explosão da Esperança (Alto da Esperança);
Forró Cravo e Canela (5ª travessa da Avenida Esperança);
Explosão no Arraía (Alto do Coqueiro);
Junina Cia do Forró (Próximo a SUCAM);
Harmonia do Forró (Clube Social do Malhado).

Os outros bairros também contavam com grandes nomes entre eles:

Valentes Guerreiros (Teotônio Vilela); Forró do Dinossauro (Nelson Costa); Chama Nas Estrelas (Iguape); Faísca de Fogo (Nelson Costa);Centauros (Iguape); Mamãe Coruja (Banco da Vitória), entre outras que não me recordo.

Atualmente o que se ver são comemorações ao som do famoso Arrocha e Festas de Paredões (nada contra), entretanto, o tradicional vem perdendo espaço, e as quadrilhas juninas…. Bom, essas só nos restam à saudade.

  • Quadrilha Junina Cia do Forró

 

2 comentários em “Nostalgia: São João de Ilhéus e Quadrilhas Juninas

    • junho 22, 2017 em 6:23 pm
      Permalink

      Boa tarde,
      Não foi falta de conhecimento, fiz parte durante 10 anos do universo das quadrilhas em Ilhéus. Peço desculpas pelo equivoco, na hora da edição do slide acabei me passando.
      Já foi inserida novas imagens.
      Obrigado Pela colaboração.
      Abraços.
      Marcos Paulo Pinheiro

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.