Assassino confessa e descreve como matou Mar Ramos

Jerry Vitor Rocha, assassino confesso de Mar Ramos, demonstrou frieza e um perfil interesseiro na primeira aparição pública após o crime. Em entrevista à TV Cabrália, nesta tarde, ele não demonstrou nenhuma culpa ou expressão de arrependimento.

Confessou ter furtado o cartão de crédito da vítima e estava impossibilitado de sair da casa desde as 14h30min de terça-feira. Foi neste horário que o estilista percebeu o furto do cartão, trancou as portas da residência, no centro de Itabuna, e teria ameaçado chamar a polícia para intervir na situação. As horas se passaram até que Mar dormiu e o assassinato f oi cometido na madrugada.

O criminoso, que fará 20 anos em setembro, disse que tentou fugir pelo telhado. Esperou Mar Ramos dormir para matá-lo e levou o dito cartão de crédito, com o qual comprou em Ilhéus a passagem para São Paulo, pagou o táxi até Itabuna e tentava na rodoviária trocar a data da viagem.

Perguntado se tinha a senha do cartão, disse que percebeu os números no momento em que estava com o estilista e o via digitando para fazer qualquer pagamento. Com ele também foram encontrados perfumes e relógios, todos do estilista.

Jerry e Mar tinham se conhecido pelas redes sociais e o garoto morou na casa da vítima por 15 dias. No último de semana, por exemplo, eles foram juntos a uma formatura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.