Apitaço no centro de Ilhéus marca ações do Outubro Rosa

A cor do Outubro Rosa invadiu as ruas do centro histórico de Ilhéus na manhã desta sexta-feira (19). Dezenas de profissionais da área da saúde, com balões e blusas cor de rosa, promoveram um “apitaço” pelas principais artérias do centro comercial, para chamar a atenção das mulheres e da sociedade sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama e também sobre o câncer do colo de útero.

A Prefeitura de Ilhéus, através da Secretaria de Saúde, abraçou a causa do Outubro Rosa, mês do epicentro das ações de prevenção às doenças. Presente na caminhada, o secretário municipal de Saúde, Geraldo Magela, faz um alerta: “Tocar o próprio corpo e reconhecer sinais de possíveis mudanças é importante frente à própria saúde, mas não substitui a mamografia”.

Para a diretora da Atenção Básica à Saúde, Érika de Jesus, o “apitaço” foi positivo e motivador. “Passamos pelo comércio e percebemos a atenção das pessoas que elogiavam a nossa iniciativa”. E ressaltou: “Estamos realizando alguns eventos nas unidades básicas e postos de saúde, disponibilizando diversos serviços para as mulheres ilheenses, na faixa etária dos 50 a 69 anos de idade.”

Ações – Paralelamente à caminhada, a Prefeitura, em parceria com a o Lions de Ilhéus-Centro, Pontal e Norte, com o apoio da Faculdade Madre Thaís, realizou a 9ª Feira de Saúde durante a manhã e parte da tarde desta sexta-feira, em frente à Catedral de São Sebastião.

Foram prestados serviços como aferição de pressão; exame micológico (laboratório); testes de glicemia; vacinação antitetânica, contra a hepatite e a tríplice viral, além de dicas e orientações de postura (coluna), através da turma do curso de Fisioterapia da faculdade.

No próximo dia 25 de outubro, das 8 às 16 horas, serão realizadas ações no contexto do Outubro Rosa, no Terminal Rodoviário Urbano, em parceria com Sindicato dos Rodoviários de Ilhéus (Sindrod)

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o câncer de mama é o tipo mais comum entre as mulheres e também o mais letal, sendo a segunda principal causa de morte na América Latina. Entre todos os tipos de câncer, o de mama é o que mais mata mulheres na faixa dos 20 aos 59 anos, em todo o mundo. A doença também atinge homens, mas a incidência representa 1% do total.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.