Fenômeno? Quantidade de peixes mortos chama a atenção e atraem urubus para a Praia do Cristo na manhã desta quarta-feira

O bombeiro civil André Santos Araújo percebeu uma cena estranha na Praia do Cristo, Av 2 de julho, nesta manhã. Por volta das 6h30 ele flagrou um número grande peixes mortos à beira da praia. Não se sabe ainda a causa desse acontecimento, mas o fato é que atraiu um número grande de urubus para o local.

André afirma que não observou mal cheiro, mas salienta que tem um tipo de sedimento ou material aquoso sendo jogado na água pela empresa que faz a fundação da nova ponte. “Espero que não seja isso”, finaliza

Lívia Carvalho

Bacharela em Comunicação Social (rádio e televisão) pela Universidade Estadual de Santa Cruz e pós-graduanda em Gestão Cultural pela mesma Universidade. Atuou como repórter durante 2 anos no jornal impresso Folha de Quaraí (Rio Grande do Sul) e 1 ano como apresentadora na Rádio UESC.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.