Prefeitura de Ilhéus pretende transformar o hospital Regional Luis Viana Filho em Hospital Materno-Infantil

Com a construção do novo Hospital Regional Costa do Cacau, no Banco da Vitória, em Ilhéus, o prefeito Mário Alexandre Sousa, iniciará o processo de municipalização do Hospital Geral Luiz Viana Filho. A unidade que funciona há cerca de 40 anos no bairro a Conquista passará a ser um Hospital Materno-Infantil.

“Com a inauguração do Hospital do Cacau, a municipalização do Hospital Regional e a recuperação e a ampliação da nossa rede de unidades básicas queremos avançar para dar à população de Ilhéus um sistema de saúde pública humanizado e moderno”, resume o prefeito Mário Alexandre.

No último final de semana, o prefeito garantiu que os encaminhamentos legais para a transferência já estão bem adiantados. Ao lado do secretário estadual da Saúde, Fábio Vilas Boas, ele inspecionou a conclusão das obras de engenharia do Hospital Costa do Cacau, com inauguração prevista para o final de junho.

Um comentário em “Prefeitura de Ilhéus pretende transformar o hospital Regional Luis Viana Filho em Hospital Materno-Infantil

  • maio 9, 2017 em 2:15 am
    Permalink

    Na semana do microempreendedor, venho atraves deste espaco, venho pro
    testar veementemente a atitude do secre
    tario da industria e comercio da cidade de
    Ilheus, vem tentando cobrar as taxas por
    metro quadrado sobre os boxes da cen-
    tral de abastecimento do malhado,nao
    se importando sobre o momento atual que esta passando o pais e o comercio em geral, com milhares de desemprega-
    dos. Ele que se diz evangelico, esta dando
    um mau testemunho, prejudicando a vida daqueles pequenos e carentes comercian
    tes pela primeira vez na historia daquela central tao importante para o povo de Ilheus. Fica aqui o meu protesto.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.