Sesau mobilizada para o “Dia D”, 12 de maio, de vacinação contra a gripe, em Ilhéus

 vacina contra a gripe é segura e reduz as complicações que podem produzir casos graves da doença, internações e até mesmo mortes. Por isso é muito importante que as pessoas que fazem parte do público alvo, procurem um posto de saúde durante a Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe que segue até o final do mês de maio. Mas no próximo sábado, 12 de maio, é o Dia D, data da Mobilização Nacional e a secretaria de Saúde (Sesau)de Ilhéus está mobilizada para a campanha.

De acordo com a Sesau, na primeira quinzena da campanha, cerca de 4.794 pessoas já se vacinaram no município, o que representa 11,75 por cento do grupo prioritário. O inverno se aproxima e a aposentada Sebastiana de Jesus Santos já sabe: é hora de se vacinar contra a gripe. “Eu venho todos os anos ao posto me vacinar porque eu acho que a prevenção é a melhor coisa a fazer. Não que eu não venha a ter uma gripe ou resfriado, mas será sempre sem maiores consequências”, relata.

Além dos idosos, a vacina deve ser tomada por gestantes, mulheres que tiveram filhos há menos de 45 dias, crianças entre seis meses e menos de cinco anos, trabalhadores da saúde, professores, povos indígenas e portadores de doenças crônicas. Para essas pessoas a gripe pode ser mais perigosa, como explica a secretária municipal de saúde, Elizângela Oliveira. “Uma doença que na maioria das vezes tem uma evolução benigna, mas que nesses grupos de riscos ela pode se agravar, pode levar a hospitalização e inclusive até o óbito”.

Mobilização Nacional – No sábado (12), “Dia D” da Mobilização Nacional, a Sesau vai ampliar o número de unidades de saúde. Ao todo, serão 16 postos de atendimento no município, entre eles, a UBS Iguape, Morada do Porto – Banco da Vitória, CSU, Herval, Associação de Moradores da Urbis, PSF Nossa Senhora da Vitória, Olivença, Mangueira, Vila Cachoeira, Centro de Saúde Euler Ázaro, CAE III (antiga Fundação Sesp), nos PSF dos bairros Vilela 3 e 4, Salobrinho e Conquista. Além disso, será montado um posto em frente à Câmara Municipal, no centro da cidade.

A meta é imunizar cerca de 44.436 ilheenses, segundo informações da Coordenação Geral do Programa Nacional de Imunização, do Departamento de Vigilância das Doenças Transmissíveis, sendo que a meta a ser atingida é de 90 por cento até o fim da campanha em 1º de junho. A chefe do Setor de Imunização da Sesau, Walkiria Cardeal, lembra que a vacina é segura e não representa riscos para a saúde de quem a recebe. “A vacina é muito segura, feita com fragmentos de vírus, então ela não vai provocar a doença e sim provocar o sistema imunológico das pessoas a produzir anticorpos”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.